Jason David Frank, o Tommy Oliver de Power Rangers, tem Bruce Lee como sua maior inspiração

Bruce Lee foi sua maior inspiração. Ele disse que não era só trabalho e habilidade de Lee, mas também a sua filosofia e que é algo que ele tenta relacionar em sua própria vida e carreira.

Nos anos 1990, o ator americano Jason David Frank ficou conhecido mundialmente por interpretar o Power Ranger Verde, defendendo a fictícia “Alameda dos Anjos” dos ataques da malvada Rita Repulsa e do Lord Zedd. Apesar das coreografias e golpes exagerados, o eterno Tommy Oliver é um artista marcial “casca grossa”. Membro da equipe Wolfpack, do brasileiro Charles dos Anjos, Jason, “The Fearless” (o destemido), é faixa-preta de karatê, mestre de muay thay, faixa-roxa de jiu-jítsu e criador do estilo “Toso kune Do”. Ele estreou no MMA profissional em 2010, após seis lutas amadoras, vencendo José Roberto Vasquez, com uma chave de braço, no TCF – Puro Combate, acumulando sete vitórias e nenhuma derrota em seu cartel.

– Eu era um lutador antes de ser um ator, possuo duas escolas de artes marciais e tenho graduações de caratê. Com os Power Rangers, eu fiquei conhecido no universo dos super-heróis. A transição dos Power Rangers novamente para as artes marciais foi um pouco difícil para mim, mas eu sou real do começo ao fim. Eu sei caratê, eu vivo caratê – explicou Jason.

A carreira de lutador está em segundo plano, pois Jason voltará a vestir seu uniforme de Power Ranger no filme em comemoração aos vinte anos da série. Em recente turnê pelo Brasil, com apresentações em São Paulo e no Rio de Janeiro, o herói da TV revelou também ser fã de Anderson Silva. A admiração é tão grande que ele tem até uma tatuagem no pé em homenagem ao brasileiro. Segundo o americano, um de seus sonhos é poder fazer uma sessão de “sparring” com Anderson. O Ranger Verde chegou a desafiar Spider para uma luta, mas logo depois deixou claro que estava brincando.

– Sim, Anderson. Estou atrás de você! Estou apenas brincando. Pegue leve comigo, ok? Adoraria ser sparring do Anderson Silva apenas por diversão. Eu não me importo, pois não tenho nada a perder nessa luta. Eu não me importo. Isso nem me deixa com medo. Ele é um grande lutador e acho que seria divertido, pois gosto dele e o respeito. Se eu tivesse que lutar com um brasileiro que pratica jiu-jítsu, eu provavelmente teria que usar meu muay thai contra ele.

Além de confiar na volta por cima de Anderson, após a perda do título dos médios para Chris Weidman, no UFC 162, Jason ainda considera Spider como o maior lutador “peso por peso” da organização. De acordo com o ator, o brasileiro poderia levar a melhor até mesmo sobre Jon Jones.

– Eu represento vários atletas com a marca “Jesus Didn’t Tap” e gostaria muito de ter Jones comigo. Eu gostaria de ver Anderson contra (Georges) St-Pierre primeiro, mas eu ainda acredito em Anderson Silva. Eu teria que dizer que Spider ganharia de Jon Jones. Isso se ele for esperto em seu jogo – concluiu.

Imagem

Postado por: Vinícius Lee

Deixe o seu comentário e divulgue o nosso blog!
Curta a nossa página: http://www.facebook.com/bruceleebr
Siga-nos no Twitter: http://www.twitter.com/#!/brucelee_br
Participe do grupo: http://www.facebook.com/groups/bruceleebrasil

Um comentário sobre “Jason David Frank, o Tommy Oliver de Power Rangers, tem Bruce Lee como sua maior inspiração

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s